sexta-feira, janeiro 04, 2013

Transporto no olhar



Transporto no olhar
 Um mar imenso de palavras
 Como rios a transbordar!

Do céu cinza inalo as nuvens de mil tons
 Nos sons da chuva
 Que salpicam o meu rosto
 E me transportam
 Aos recantos da alma
Entre véus de orvalhos
 Como teias bordadas
 Transparentes de luz.

Vagueio num arco-íris
 Que me abraça e ilumina
 Neste amanhecer transbordante de paz.

E as árvores, imponentes na sua nudez,
Estendem os galhos
Numa invocação ao infinito.


Ailime
04.01.2013
Imagem da Net

16 comentários:

  1. Que bela viagem com o olhar. Linda inspiração! beijos,chica

    ResponderEliminar
  2. Amei este poema, Ailime! Totalmente lindo!...

    Vejo que 2013 começou com grande inspiração para você... Parabéns!

    O meu 1º abraço do ano..........

    ResponderEliminar
  3. Um olhar diz tanta coisa,,,ele reflete a alma..beijos amiga e um bom final de semana pra ti.

    ResponderEliminar
  4. Que poema lindo Ailime!
    E quantas coisas o olhar diz!
    Beijos querida amiga, um 2013 abençoado!
    Mariangela

    ResponderEliminar
  5. Feito com alma de poeta!

    ResponderEliminar
  6. Um belo sábado pra ti minha amiga,,,beijos.

    ResponderEliminar
  7. O poema ganha força e sentido à medida que se lê até terminar quase apoteótico. Gostei muito, Ailime.

    Um grande beijinho. O seu.

    ResponderEliminar
  8. Os teus olhos falam e, das tuas mãos, surge este excelente poema.
    Gostei muito.
    Ailime, querida amiga, tem um bom fim de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  9. Na mais sincera das descrições, indescritível.

    Que cantinho tão acolhedor!

    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  10. Novo ano... com a mesma grande inspiração. Que belo poema, amiga! Boa semana.

    ResponderEliminar
  11. Olá,Ailime,boa noite,primeira visita a este magnifico lugar neste novo ano,espero que esteja bem.É sempre com agrado que a visito e assim poder disfrutar de bela poesia.Beijinhos.Maria

    ResponderEliminar
  12. E tanto que este olhar diz...
    Lindo, minha amiga!
    Beijos

    ResponderEliminar
  13. Seus poemas são sempre tão lindos Ailime!
    Obrigada pela partilha.
    Abraços com carinho.

    ResponderEliminar
  14. Quanta beleza, quanta magia. Adorei. beijos, amiga.

    ResponderEliminar
  15. Que lindo!
    Muitas vezes olhos podem falar e ouvidos podem sentir!
    opinandoemtudo.blogspot.com

    ResponderEliminar
  16. Quem transporta palavras no olhar só pode ser poeta!
    Beijinhos

    ResponderEliminar

«Sou como você me vê.
Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania,
Depende de quando e como você me vê passar».C.L.