terça-feira, dezembro 20, 2011

Natal, e não Dezembro

Entremos, apressados, friorentos,
 numa gruta, no bojo de um navio,
num presépio, num prédio, num presídio
no prédio que amanhã for demolido...
Entremos, inseguros, mas entremos.
Entremos e depressa, em qualquer sítio,
porque esta noite chama-se Dezembro,
porque sofremos, porque temos frio.


Entremos, dois a dois: somos duzentos,
duzentos mil, doze milhões de nada.
Procuremos o rastro de uma casa,
a cave, a gruta, o sulco de uma nave...
Entremos, despojados, mas entremos.
De mãos dadas talvez o fogo nasça,
talvez seja Natal e não Dezembro,
talvez universal a consoada.
 
Poema de David Mourão Ferreira
Ailime
20.12.2011
Imagem da Net

10 comentários:

  1. Minha querida amiga, já entrei neste cantinho que também o sinto como meu, para lhe desejar um Santo Natal e renovar a amizade que segue e cresce de mãos dadas com Jesus.
    Um beijinho grande
    Dulce

    ResponderEliminar
  2. Querida amiga

    Hoje minha visita é para agradecer
    o presente que é para mim
    a sua amizade,
    e também desejar
    um maravilhoso Natal,
    onde possas encontrar nestes dias
    ainda mais inspiração
    para a alegria de ser feliz,
    e para o milagre de fazer
    quem passa por tua vida feliz.

    Que o teu olhar seja a mais perfeita
    luz do Natal a enfeitar o mundo.

    ResponderEliminar
  3. OLá Amiga

    É um belo poema, este, tal como o do Ary dos Santos e alguns outros. E neste poemar existe sempre tanta verdade e esperança.

    Desejo-lhe uma feliz quadra e deixo um beijinho sempre amigo

    ResponderEliminar
  4. Linda mensagem para reflexão. Deixo meu desejo de um Feliz Natal e um Ano recheado de sonhos e desejos realizados. Obrigada por ter caminhado comigo durante esse Ano, e que no próximo Ano estejamos juntos novamente... Beijos grande!

    ResponderEliminar
  5. Linda mensagem de David Mourão.
    Entremos então e vejamos o presépio nas situações que a vida nos dá...

    ResponderEliminar
  6. Obrigado

    pelos seus amáveis votos.

    Agradeço e retribuo.

    Bem Haja!

    ResponderEliminar
  7. Alime querida um santo e FELIZ NATAL para si e todos os seus beijinho

    ResponderEliminar
  8. O Natal é o calor que volta ao coração das pessoas,
    a generosidade de compartilhá-la com outros e a esperança de seguir adiante.
    Que a paz e a compreensão reinem em nossos corações neste Natal
    Com todo carinho te deixando meus votos de Um Feliz Natal para você familia e amigos.
    Beijos no coração .
    Meu anjo você é uma das pessoas que mais amo quem sabe Deus um dia não realiza meu sonho de conhecer Portugal e nos abençoe de eu poder conhecer você.
    Te Amo.

    ResponderEliminar
  9. Precisamos de entrar em nós mesmos
    de descobrir o que nos move
    precisamos abrir as portas do coração e deixar o amor entrar, só assim ele podera novamente sair e ser doado em plenitude todo o ano não só em Dezembro
    boas festas
    bjs

    ResponderEliminar
  10. Tão calmamente corre esta viagem
    A terra anda devido ao amor
    O que é isso de amar com amor?
    O que é isso de o perder sem dor?

    O que é isso de acreditar
    Às vezes Deus carrega ao colo um justo
    Às vezes uma reza acende o Sol a meio da noite
    Às vezes duvido acreditando a custo

    Abracei o mundo este natal
    Lembrei passados desvanecidos
    Senti aromas que pensei perdidos
    Senti que a vida me infligiu mil castigos

    Senti que a solidão era a porta para a razão
    Que era uma criatura sem grande importância
    Senti que ainda não tinha traçado todos os rumos
    Que não há longe perto da distância

    Um mágico fim de ano

    Um abraço

    ResponderEliminar

«Sou como você me vê.
Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania,
Depende de quando e como você me vê passar».C.L.